Capítulo 34

Não queria acreditar no que os meus olhos estavam a ver… no livro, encontrava-se ilustrada a Igreja que eu costumo ver e que não me sai dos pensamentos…
- Com certeza que já ouviram falar da Igreja dos Três Bispos! – Vociferou a Professora calcorreando a sala para trás e para diante. A turma assentiu, pelo que a professora continuou. – A Igreja dos Três Bispos foi construída nos finais do século XVIII a fim de acolher o Rei na hora das suas missas… tal como o resto da Corte! É conhecida pela abundância de decoração e no exagero do luxo e também pelos inúmeros mitos que se têm ouvido com o passar dos anos, chegando à actualidade! Tudo isto, feito propositadamente para o Rei e para a sua família.



Toda a turma estava de olhos cravados nas esplêndidas gravuras daquela Igreja. E, aproveitando o breve intervalo que a Professora fez para beber água, também olhei para as gravuras. Fiquei a observá-las atentamente e notei diferenças drásticas. Aquele tijolo amarelecido e as lascas de tinta a caírem estavam agora visivelmente lisas e o tijolo já não era amarelo, mas sim nítida e visivelmente cinzento e as estátuas lá esculpidas muito mais detalhadas, pelo que me impressionou bastante. A minha focalização naquelas gravuras foi rapidamente interrompida com uma questão do Jake, muito pertinente na minha opinião:
- Professora, porque é que atribuíram a esta Igreja o nome: Igreja dos Três Bispos?



- Era aí onde eu queria chegar menino Jake. – Disse a Professora dando um último golo de água e colocando a garrafa de plástico na sua mala de pele castanha escura. – Antes desta Igreja ter sido construída, no mesmo local, habitavam três irmãos… mais propriamente Trigémeos! Eram mendigos, bastante vulgares e de quem todos os habitantes de Fort Sim desconheciam. Quando lhes anunciaram que iam fazer uma Igreja no local onde se abrigavam, que, segundo dizem, era uma pequena cabana, eles recusaram-se a sair de um lugar que os falecidos Pais lhes deram. Achavam ridículo fazer logo ali uma Igreja havendo centenas de terrenos por construir. Mas na verdade, chegaram mesmo a construir lá a Igreja, mas com uma condição. Os Trigémeos ficaram acolhidos nessa Igreja tornando-se membros do Clero e mais tarde sendo uns dos mais importantes membros do grupo social… Os Três Bispos! Segundo inúmeras lendas, idênticas entre si, foi construído um alçapão onde, ainda hoje, estão sepultados esses Bispos, que foram tão fiéis e importantes para Clero!



- E ainda se pode entrar na Igreja, Professora? – Perguntou a Cassie com as pestanas arqueadas.
- Há alguns anos que encerraram a Igreja! Já nem há missas lá…



- Impossível… - Murmurei.
- Disse alguma coisa, Melody? – Perguntou a Professora inclinando-se para a minha mesa.
- Huh… é impossível já não haverem missas… Eu ouço muitas vezes os Sinos a tocarem!
Nesse momento a turma entrou numa autêntica risota. Todos se começaram a rir às gargalhadas, gozando com a minha pergunta.
- Melody, a Igreja, neste momento, está desabitada! Não há lá nem um padre! Só havia missas antigamente, mas já há muitos anos que não ocorrem lá missas!



No meio das risadas dos meus colegas arregalei os olhos olhando para o livro. Como é que é possível que não haja ninguém naquela Igreja se eu ouço os Sinos?
Quando a aula acabou, ouviu-se o burburinho habitual do material a ser guardado nas mochilas e depois, pouco a pouco, todos saíram da sala. Todos menos eu e o Jake, que após ter saído e não me ter visto lá fora, regressou à sala para verificar se eu ainda lá estava.
- Huh... Melody, vais ficar a... olhar para a imagem da Igreja que está no livro? - Perguntou ele, ligeiramente incomodado.



Pateticamente, levantei a cabeça do livro e olhei em volta. Não me tinha apercebido que a aula acabara e que a sala estava completamente vazia. Só se viam mochilas e a professora, que olhava para mim de soslaio como quem se pergunta porque ainda estaria na sala. Senti-me ridícula e tratei logo de arrumar o mais rápido que conseguia as minhas coisas. Ao fechar o livro, senti-me estranha, como se algo estivesse a segurar-me nas mãos e impedir que estas se mexessem. Mas o Jake fechou-o por mim, com o sobrolho franzido, e a olhar-me cada vez com mais estranheza. Saí da sala quase a correr, cheia de vergonha, e, mal nos vimos no corredor principal da escola, o Jake perguntou:
- O que é que se passa contigo?



Não respondi. Na verdade, nem tenho a certeza de ter sido isso o que ele perguntou. Os meus olhos só visualizavam a imagem da bonita igreja de mármore, os meus ouvidos só ouviam o som harmonioso dos sinos e, no meu nariz, só sentia o cheiro calmante das plantas que a circundavam. Era tão bom pensar nela! Relaxava-me e desligava-me do mundo. Era como se estivesse completamente sozinha na Terra. Era uma sensação de liberdade intensa...



- Melody! - Gritou ele, sacudindo-me o ombro - Faltam 5 minutos para o intervalo acabar e ainda não me dirigiste sequer uma palavra. Em que é que tanto pensas?
- Na igreja dos três Bispos - Respondi, mecanicamente.
Só tinha ouvido a última frase que ele dissera, o resto fora burburinho nos meus ouvidos. Mas sentira na sua voz um tom de preocupação, e achei que ele merecia uma explicação.
- Vais achar isto ridículo, mas... – Continuei levando-o a sentar-se comigo. - Eu tenho uma estranha ligação com aquela Igreja. - Fiz uma pausa para observar a expressão curiosa do Jake. - Cada vez que passo lá por perto, sinto uma vontade de lá entrar irresistível. Essa igreja relaxa-me. Fico feliz quando penso nela, sinto-me responsável e independente... É completamente impossível descrever o quão bem me sinto quando penso nela...
- Melody, desculpa, mas isso não serão ideias da tua cabeça? - Disse ele, delicadamente.



- Quem me dera que fossem. - Respondi, com toda a sinceridade.
Levantei-me do banco onde me sentara, pois acabara o intervalo. Recordei com imenso prazer as palavras da professora e tive uma certeza: nunca mais teria uma aula como aquela.

5 Response to "Capítulo 34"

  • mmoedinhas Says:

    ahahaha!!!!!!! EU SABIA!!!!!!!! hihihhihhihiihi
    E ela só pode sentir a ligação com a igreja porque um do tres bispos é da familia dela!!!
    E lá estou eu a alucinar outra vez...

    Deg deg

    P.S: Adorei!Adorei!Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei! Adorei!


  • Mr.Lis Says:

    Gostei bue !

    Gostei muito dos segredos da igreja e fiquei muito entusiasmado quando li a parte da mesmo =D
    Isto e...
    A tua Igreja e óptima!!

    Adorei este episódio =D


  • Tudy Says:

    Obrigado aos dois!

    mmoedinhas um dos bispos é impossível ser da família da Melody porque já morreram! hehehehe. Não leste bem a lenda? Os três bispos era os Trigémios mendigos do século XVIII LOL...

    Muito obrigado aos dois!


  • Desi Says:

    Isto promeeeete!!
    Cheira-me que ela vai fazer uma investigaçãozinha....
    Muito Bom!!
    Quero maaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaais! ^^


  • Diogo Says:

    Adorei muito mesmo! Adoro sempre os dialogos que querias entras as tuas personagens! e sincewramente fico sempre com pena de quando eles acabam! Quero mais e quanto a investigação! parece-me que sim e que tem uma ajuda ...

    900000000 estrelas


Postar um comentário